(Extra)ordinário

Eu sempre acho que tenho algo de extraordinário para falar. Ou escrever. Tanto faz. Eu sempre acho que tenho algo de extraordinário para compartilhar com o mundo. Interessante. Interessante porque na verdade não tem nada de mais. São só sentimentos sentidos por todos. Alguns sentem mais, outros menos. Mas eu sempre acho que é extraordinário. Eu e minha mania de sentir demasiadamente. Ansiedade amor paixão tesão loucura ansiedade. E loucura. Muitas vezes guardo toda essa intensidade aqui dentro. E aí mau humor, ataques de riso sem motivos aparentes, ataques a quem não merece. Sempre explode. Eu explodo. Muitas vezes prefiro explodir em palavras escritas. Elas também são frias e cruéis, mas daqui de dentro elas fluem mais fácil. Transbordam-se dos meus neurônios até meus dedos. Verborragia. 
Um choro quase compulsivo. Seu. E depois, meu. Você é louca? Completamente, meu bem. E ri. Rimos. Pelo menos sabemos rir da nossa própria tragédia. A vida fica mais… leve. Porque eu, eu, meu bem, tenho mania de deixar as coisas mais pesadas. Desde que me entendo por gente. Sei lá porque. É tudo simples. Eu sou simples. Você. Nós. Mas eu gosto de complicar. Só para dar um gosto de extraordinário.
Um extra
ordinário.
Anúncios

Autor: Carolda

Carolina. Canhota, 32, já vivi outras vidas em castelos.

8 comentários em “(Extra)ordinário”

  1. Que legal… Vc tem um blog novo, amore.
    Queria ter um blog tb. Mas, é que não tenho nada pra escrever. Aqui em casa, o Dayk ainda posta e quer que eu volte.
    Por enquanto, gosto de ler quem faz isso direito.
    Que saudades…
    Espero que esteja bem por aí. Deu uma súbita vontade de ir até BH. Muito tempo sem.

    <3

  2. hahahahahaha ''eu gosto de complicar''
    para de falar de mim, menina, que isso é chato D:
    meu ex termiou comigo pq, segundo ele, eu preciso de alguém que acompanhe meus dramas. SOFRI BRASIL rsrsrs

    well, continuo gostando dos teus textos. aqui, lá.. assim, o importante é tê-los pra eu me deleitar. haha

    beijão.

  3. Cheguei. No blog novo com foto de revista já devidamente com link atualizado na minha página. E venho te dizer que me identifico com você e te leio todo esse tempo justamente pelo gosto de complicar. Pelo exagero. Pela densidade. Me sinto menos sozinha no mundo assim.

    Beijo.

  4. broguito novo, mas, ufa, a mesma carolda que me faz rir em meio a tantas lamúrias descabidas e descabeladas, smepre engraçadas *–*

    e sim, claro, você é louca, sem dúvida alguma.

  5. Se é extraordinário pra você, porque não pode ser para nós, para mim, humilde leitora? rs

    Se somos loucas? Foda-se, com o perdão do palavrão, haha. O mundo é muito melhor assim.

    Um beijo.

  6. Não tenho a mínima noção de como você achou o meu blog mas fiquei contente pelo seu comentário, que me trouxe até aqui. Me identifiquei bastante com o texto. O que seria do mundo sem essa loucura.

    =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s