Distância

É. A distância faz coisas comigo. Com você. Nós.

Estava indo deitar, quando um pensamento tomou conta de mim: estou te procurando onde você não está. MSN? De onde você está, não dá. Mais cedo te procurei no meu celular, em uma mensagem que chegou… e nem era sua. Aliás, te procurei nele também. Várias vezes. É óbvio que não te achei. E nem vou te achar… o pior é que eu insisto em tentar te achar ali.
Não adianta eu me entupir de chocolate. Goiabada. Doce. Já disse que, há algum tempo, tenho desejos loucos e súbitos de comer doce, até me entupir? Outro dia devo ter comido uns 200g de goiabada de uma vez só. Mas não adianta. Não vou te achar ali. Já me peguei tentando te achar debaixo das minhas cobertas, enquanto eu sentia frio. Ou calor. Abri a geladeira procurando algo para comer, mas depois de estar parada olhando para as prateleiras por uns minutos, resolvi fechar a porta. Economizar energia, né? Biscoito? Pão? O que eu quero comer não existe. Até porque isso não é fome. Não mesmo. Pelo menos não é fome de comida. Já tentei te achar na tela do computador. Mesmo sem estar conectada à nada. Nas entrelinhas do que ando lendo. Em e-mail’s antigos… quem sabe chegou algum novo? Em quem está aqui; nas calçadas antigas de Mariana. No ar. Em sorrisos alheios. Mas aí, logo agora, antes de eu ir me deitar, fiquei feliz. Porque eu te achei. Bem aqui, nesse lugar de sempre. Dentro do que fui, sou, e ainda vou ser.

Anúncios

Autor: Carolda

Carolina. Canhota, 32, já vivi outras vidas em castelos.

14 comentários em “Distância”

  1. AHHHHHH, Carolda!!!!!! QUE LINDO!!!
    Putz putz putz!!!!!!!!!!!!!!
    Caralho (só falo palavrões em situações extraordinárias!)!!!!!!!!
    Que bom que eu posso vir aqui e ler as coisas DEMAIS que você escreve e saber que eu tenho material pra fazer vários monólogos legais (rs).
    Será que eu vou dizer isso em todos os comentários que fizer aqui?
    Você é muito intensa, transparece isso nos seus textos.
    beijos!

  2. Lindo, lindo! 🙂
    Carolda sempre poética.
    É um problema quando tenho vontade de comer doce e outras porcarias até me entupir. Sorte que isso é raro.
    Gostaria de encontrá-lo não só no que sou e ainda vou ser, seria mais divertido.

  3. A distância sempre nos atordoa. Numa determinada hora sempre topamos com o que procuramos mais perto do que imaginamos. Sim! Lá dentro, lá no coração. Dentro do que fomos, somos e ainda vamos ser.

    O que amamos fica intrínseco na alma. Distância? Só física mesmo…

    Beijocas.
    Se cuida querida.

  4. Distância é uma porcaria… e quando pesa junto uma saudade, aí diga que tudo parece perdido. Sobra um vazio que a gente teima em tentar preencher, mas não sabe ao certo com o quê.

    Teu texto me lembrou saudade daquelas doloridas. E me fez pensar que sempre há o coração para guardar as pessoas que gostamos.

    Beijo! ^^

  5. Por mais que a distância seja grande, a gente sempre encontra-o no caminho mais perto, o nosso caminho, dentro de nós.
    Adorei !

    Um beijo.

  6. Por que será que a gente tem vontade de comer quando não acha as pessoas, né? Também vivo me perguntando isso…

    Beijo

  7. Texto lindo, amiga. Como sempre. Sei que, claro, essa não era a intenção. Mas é impossível um texto tão cheio de sentimento quanto o seu não ser bonito.

    E é sempre dentro de nós que tudo o que tem alguma importância se encontra. Nem sei mais o que dizer, você me desconcertou. Eu sequer devia ter a cara de comentar num texto tão lindo.

    Só queria dizer que passei aqui, li e adorei seu texto, na falta de coisa melhor para dizer, umas vez que as palavras fugiram loucamente.

    Te adoro, Carolda 😉

  8. Sei bem o que é procurar alguém assim, em todo lugar, e ter crises de abstinência de doce, já cheguei a comer açúcar puro…
    Distância, vazio, saudade.
    Um beijo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s